Estudo – DEUS TEM UM PLANO PARA MINHA VIDA

Provérbios 4:7-8: “O princípio da sabedoria é (olha como uma pessoa é sábia): Adquire a sabedoria; sim, com tudo o que possuis, adquire o entendimento. Estima-a, e ela te exaltará; se a abraçares, ela te honrará;”.

 Hoje, inspirado por Deus, quero falar à Igreja sobre uma realidade que ninguém pode desconhecer: Deus tem um plano absolutamente divino, que Ele mesmo, sabiamente, calculadamente e celestialmente, preparou para cada um de nós.

O plano de Deus para a minha e para a sua vida está ligado à direção que o Senhor nos dá no cumprimento desse plano. Essa direção, que só se compreende quando se conhece o plano, nos leva ao destino que Deus tem para nós. Portanto, se não compreendermos o plano de Deus, não iremos conhecer a Sua direção. E quem não conhece a direção de Deus anda sempre em caminhos errados.

O que disse o sábio, em Provérbios 14:12? “Há caminho (há direção) que ao homem parece direito, mas ao cabo dá em caminhos de morte.”

Portanto, se não conhecemos o caminho de Deus, se não conhecemos a Sua direção, estabelecemos os nossos próprios caminhos. Mas, quando chegamos no final, percebemos que são caminhos de morte. Então, precisamos agarrar a sabedoria e abraçá-la, para que ela nos honre, fazendo-nos compreender o que nós, realmente, estamos fazendo na Terra e qual o plano que Deus tem para nós.

Quando tu conheces o plano de Deus, estás na direção certa, então, vives, és honrado, tens dignidade, vês prosperidade e abundância. Se tu não estás na direção de Deus, vês a quebra, a falência e a maldição. Lê Provérbios 9:9.

Bem, Deus começou a revelar o plano ao Profeta Jeremias. Em Jeremias 1:4-5 diz assim: “A mim me veio, pois, a palavra do SENHOR, (é Deus quem está falando, se revelando) dizendo: Antes que eu te formasse no ventre materno, eu te conheci, e, antes que saísses da madre, te consagrei, e te constituí profeta às nações.”

O plano de Deus para a nossa vida não começou no dia em que ouvimos o Pastor na televisão, ou quando alguém nos falou de Jesus. Na realidade, é muito anterior a isso tudo. Foi antes. Então, se não compreendermos o que significa esse “antes”, vamos pensar que nos tornamos cristãos porque quisemos. A nossa vida tem um “antes” de nossos pais se conjugarem na carne e fôssemos formados no seu ventre.

Antes do ventre materno, Deus já nos conhecia, por isso a segurança que nasce da Graça de Deus. Ou seja, não estava um dia pensando e decidi deixar de ser católico para ser evangélico. Há um plano, e esse plano diz que foi “… Antes que eu te formasse…”. Amado(a), Deus te conhece. E quando Ele diz que te conhece, não é só o teu nome. Ele conhece cada detalhe da tua vida.

A nossa verdadeira identidade não é a carne, que vai virar pó. É o espírito. Por isso que Ele disse que nos conhece. Quando Ele nos conheceu? Quando nos criou em espírito.

Agora, vê: eu acredito nisto: já viemos consagrados, separados, sempre fomos ovelhas de Jesus, desde o ventre materno.

Deus te conheceu muito anteriormente à existência dos teus pais. E, quando tu estavas sendo gerado, Deus já tinha um plano, um caminho, um objetivo para ti.

Há um plano, há um propósito na nossa vida. Antes que fôssemos formados no ventre da nossa mãe, Deus já havia nos consagrado para sermos ovelhas de Jesus. Claro que precisas entender que tu não criaste nada disso, foi Deus quem criou.

Olha, temos pessoas na Igreja que matavam animais, sacrificavam, roubavam, matavam, esfolavam, foram da feitiçaria, foram pai-de-santo, mãe-de-santo… Esses eram os caminhos de morte. Mas Deus lhes disse que havia um caminho para eles. Ah! E não há como escapar desse caminho.

Enquanto andávamos fora dos caminhos de Deus, estávamos num ciclo de morte, de perda, de fracasso, de desarmonia de vida, mas, no momento em que Deus mostrou o caminho, passamos a entrar num outro ciclo de vida: de prosperidade, de abundância, de salvação.

Paulo escreve aos Hebreus e fala de algo muito precioso. Ele diz assim: “Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunhas, desembaraçando-nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia, corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta,”. (Hebreus 12:1).

Deus está mostrando à Igreja que Ele preparou uma carreira, um caminho. Não escolhemos essa carreira, mas a descobrimos por revelação, quando ouvimos a Palavra da Verdade. A pessoa pode estar no fundo da lama, num tremedal de problemas, nas garras de Satanás, como realmente estávamos, mas, porque era ovelha do Senhor, ao ouvir a Palavra do Senhor, o Evangelho da Salvação, descobre a carreira.

Quando tu compreendes isso, entendes que a carreira de Deus está escolhida para a tua vida. Logo, o sucesso de um ser humano só acontece quando ele descobre qual a carreira que Deus preparou, qual a proposta de Deus. Lê Isaías 54:7.

Quando descobrimos a carreira que nos está proposta, surge o sucesso, a vitória, a dignidade, um lugar na sociedade, a ressocialização, a direção de Deus.

Se tu não descobres a carreira, torna-te frustrado. Eu fui frustrado durante vinte e um anos. Era católico romano, fazia o sinal da cruz, rezava para as imagens, rezava o terço… Não conhecia a minha carreira. Mas na cama de um hospital, desenganado pela medicina, apodrecido em vida, necrosado, ossos de fora, à beira de uma amputação, Deus enviou um anjo que me disse: “Tu serás um pregador que levará a Palavra à volta do mundo.” Eu, como não entendia disso, quando era católico, desejava ser militar, adorava uma guerra, queria ser piloto, ser isso, ser aquilo…

Amado(a), muita gente vive a vida toda sem descobrir a sua carreira, são pessoas influenciadas pelo mundo, nada de bem lhes acontece.

Nada se compara com a glória de Deus, quando te é revelada a carreira. Paulo, quando escreveu aos coríntios, disse isso: 1 Coríntios 9:26: “Assim corro também eu, não sem meta; assim luto, não como desferindo golpes no ar.”

Paulo estava dizendo que tinha uma meta, um alvo, sei o que estou fazendo, tenho certeza, corro a minha carreira com um objetivo.

Amado(a), quando Deus faz um plano, ele é perfeito. Quem pode destruir os planos que Deus faz? Quem é capaz de ir contra Deus? Quem é capaz de acusar, quando é Deus quem justifica? Quem nos pode afastar do amor de Deus? Nem a morte, nem a vida, nem espada, nem perigos, ou nudez… nada! Nada poderá separar-nos do amor de Deus!

Acredito que as coisas mais importantes na vida de um cristão são as certezas. Com as certezas tu podes ser o que Deus quer que tu sejas. Vais poder ter o que Deus diz que vais ter. Vais conquistar o que Deus diz que vais conquistar. Vais poder chegar a tua meta, porque nisso tudo há a mão de Deus. Tu podes ter vindo de uma família amaldiçoada, de caminhos escuros e escusos, de caminhos satânicos, mas, quando Deus diz: “Eu te conheci antes do ventre da tua mãe e já te tinha consagrado”, acabou, não há alternativa, pois o Senhor já determinou. Lê Atos 4:28.

Nada oferece mais garantias e dignidade do que ter certezas na vida em relação as coisas de Deus.

Vê: tu começas a compreender que a tua salvação aconteceu, porque Deus te predestinou. Olha o que Deus diz em 1 Pedro 1:1-9: “Pedro, apóstolo de Jesus Cristo, aos eleitos que são forasteiros da Dispersão no Ponto, Galácia, Capadócia, Ásia e Bitínia, eleitos, segundo a presciência de Deus Pai, em santificação do Espírito, para a obediência e a aspersão do sangue de Jesus Cristo, graça e paz vos sejam multiplicadas. Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que, segundo a sua muita misericórdia, nos regenerou para uma viva esperança, mediante a ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, para uma herança incorruptível, sem mácula, imarcescível, reservada nos céus para vós outros que sois guardados pelo poder de Deus, mediante a fé, para a salvação preparada para revelar-se no último tempo. Nisso exultais, embora, no presente, por breve tempo, se necessário, sejais contristados por várias provações, para que, uma vez confirmado o valor da vossa fé, muito mais preciosa do que o ouro perecível, mesmo apurado por fogo, redunde em louvor, glória e honra na revelação de Jesus Cristo; a quem, não havendo visto, amais; no qual, não vendo agora, mas crendo, exultais com alegria indizível e cheia de glória, obtendo o fim da vossa fé: a salvação da vossa alma.”

Se o fim da nossa vida é a salvação, devo acreditar que, segundo a presciência de Deus, segundo uma determinação de Deus, somos o que somos. Romanos 8:29 explica isso: “Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos.”

Será que Deus predestinou para termos miséria, fome, doenças, câncer, problemas e dificuldades? Não! Para que Ele nos criou? Para sermos conformes a imagem de Jesus. Jesus é o irmão maior! Fomos criados para sermos a Sua imagem. Aí, vem o povo de Deus e diz que é gafanhoto, pó da terra, miserável; quando Deus diz que somos a Sua imagem. Por acaso Deus é gafanhoto, pó da terra e miserável?

Depois, diz: “E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.” (Romanos 8:30).

O salvo é salvo porque foi predestinado. O salvo é aquele que encontrou os propósitos de Deus porque foi encontrado por Ele. Se isso não é verdade na sua vida, tu serás frustrado.

Ora, se tu és justificado pelo Sangue de Cristo, por que continuas sofrendo, pensando que o diabo te pega e te leva para o inferno? Repito: a obra está completa!

Tenho muita paz e segurança naquilo que estou fazendo. Tu também deves ter muita paz naquilo que fazes, porque Efésios 2:10 diz assim: “Pois somos feitura dele, criados em Cristo Jesus para boas obras (já está tudo perfeito), as quais Deus de antemão preparou para que andássemos nelas.” Deus preparou tudo e disse que era para andarmos no que está preparado.

Diz João 15:16: “Não fostes vós que me escolhestes a mim; pelo contrário, eu vos escolhi a vós outros e vos designei para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo conceda.”

Não foste tu que escolheste Jesus. Foi Ele quem te escolheu e designou para que dês frutos. Ah! E os frutos permaneçam. Há um plano perfeito para a tua vida. Ele te conheceu de antemão.

Efésios 1:4-5: “assim como nos escolheu, nele, antes da fundação do mundo, para sermos santos e irrepreensíveis perante ele; e em amor nos predestinou para ele, para a adoção de filhos, por meio de Jesus Cristo, segundo o beneplácito de sua vontade,”.

Sem esse conhecimento as pessoas vivem de Igreja em Igreja, de Pastor em Pastor, de correntes, de sal, de óleo…

Deus nos chamou para sermos santos. Ele não nos chamou para sermos humilhados, ou andarmos diante gongá, de altares de santos. Ele nos chamou para sermos conformes a Sua imagem.

Tu foste feito para ter a imagem de Deus. O mundo fala o contrário, manda deixar isso de lado, manda lamber o pó do chão, sofrer, apanhar… Mas Deus diz que nos chamou para sermos santos.

Tu és como Deus, tens o mesmo poder, podes fazer as mesmas ações que Ele fazia, podes orar pelos enfermos e eles serem curados, podes libertar as pessoas da opressão, podes ser um transformador de vidas, podes ser um agente de mudanças de vida. Lê 1 João 4:17.

Na Igreja Cristo Vive ninguém sente medo da volta de Jesus. A maioria dos crentes, quando se fala da volta de Jesus, fica assustado, preocupado, com medo, porque pensa que ainda não está pronto e que precisa se aperfeiçoar. Só que já fomos aperfeiçoados por um único sacrifício. Se Jesus vier daqui a um ano, vamos todos. Se vier daqui a seis meses, vamos todos. Se vier daqui a um mês, vamos todos. Se vier amanhã, vamos todos. Se vier agora, vamos todos. Aleluia! Acredita nessas verdades!

Em Romanos 5:1, diz: “Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo;”.

Deus tem um plano perfeito. Se tu o descobres, tens uma carreira e uma vida com propósitos.

Diz Atos 13:48: “Os gentios, ouvindo isto, regozijavam-se e glorificavam a palavra do Senhor, e creram todos os que haviam sido destinados para a vida eterna.”

E os que não creram? Não foram destinados para a vida eterna. Aí, os pregadores dizem: “Ah! Não é assim! O homem possui livre-arbítrio.” Onde diz isso na Bíblia? Fala que creram os que estavam destinados. Lê Atos 16:14.

Em Atos 26:4-5, 9 fala da vida de um homem que lutou muito contra Deus. Ele não conhecia a sua carreira. Paulo, antes de ser Apóstolo, era Saulo mau. Olha o que diz a Palavra do Senhor: Quanto à minha vida, desde a mocidade, como decorreu desde o princípio entre o meu povo e em Jerusalém, todos os judeus a conhecem; pois, na verdade, eu era conhecido deles desde o princípio, se assim o quiserem testemunhar, porque vivi fariseu conforme a seita mais severa da nossa religião. Na verdade, a mim me parecia que muitas coisas devia eu praticar contra o nome de Jesus, o Nazareno;”.

Olha como é o comportamento de quem ainda não conheceu o seu destino, não conheceu a predestinação.

Continua no versículo 10: “e assim procedi em Jerusalém. Havendo eu recebido autorização dos principais sacerdotes, encerrei muitos dos santos nas prisões; e contra estes dava o meu voto, quando os matavam.”

Um homem, que nós seguimos, enquanto não atinou os caminhos de Deus, mandava matar pessoas. Quando Estevão foi apedrejado, quem consentiu com a sua morte? Paulo.

Diz a Palavra do Senhor: “Muitas vezes, os castiguei por todas as sinagogas, obrigando-os até a blasfemar. E, demasiadamente enfurecido contra eles, mesmo por cidades estranhas os perseguia. Com estes intuitos, parti para Damasco, levando autorização dos principais sacerdotes e por eles comissionado. Ao meio-dia, ó rei, indo eu caminho fora, vi uma luz no céu, mais resplandecente que o sol, que brilhou ao redor de mim e dos que iam comigo. E, caindo todos nós por terra, ouvi uma voz que me falava em língua hebraica: Saulo, Saulo, por que me persegues? Dura coisa é recalcitrares contra os aguilhões.” (Atos 26:11-14).

Duro é lutar contra Deus. O indivíduo que faz isso só perde, amado(a). Anda em círculos. Lutar contra Deus é lutar contra aguilhões.

Continua: “Então, eu perguntei: Quem és tu, Senhor? Ao que o Senhor respondeu: Eu sou Jesus, a quem tu persegues.” (Atos 26:15).

Paulo andava perseguindo os crentes, mas, na realidade, quem ele perseguia era o próprio Jesus.

Diz a Palavra do Senhor: “Mas levanta-te e firma-te sobre teus pés, porque por isto te apareci, para te constituir ministro e testemunha, tanto das coisas em que me viste como daquelas pelas quais te aparecerei ainda, livrando-te do povo e dos gentios, para os quais eu te envio, para lhes abrires os olhos e os converteres das trevas para a luz e da potestade de Satanás para Deus, a fim de que recebam eles remissão de pecados e herança entre os que são santificados pela fé em mim.” (Atos 26:16-18).

O homem é muito nariz empinado. Há gente que diz que nunca entrará em Igrejas, que nunca dará o dízimo, que nunca cantará louvores…

Estamos na Igreja por causa de uma determinação celestial, um plano perfeito de Deus, que não começou ontem, mas antes da fundação do mundo, quando Deus nos criou. E Ele disse que veio buscar e salvar o que se havia perdido. Foi Deus quem desejou. Não podemos ser desobedientes a essa determinação.

A vontade do homem não é livre, o coração do homem é enganoso. Diz Jeremias 17:9: “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?”

Queria terminar te dizendo: a predestinação é a Sabedoria de Deus, só é entendida nas feridas de Cristo, é o sofá de descanso da vida espiritual. Para alguém se livrar da predestinação, teria que rebaixar o soberano Deus a uma estátua de sal. A predestinação convence a consciência, dobra a vontade humana, vence o coração. Portanto, tu estás entendendo que foste descoberto para uma carreira: a vontade de Deus. Ele tem o melhor para ti, tem prosperidade, abundância, harmonia, vida com sentido. Não lutes contra os aguilhões. Jesus já venceu, e por ter vencido tu estás na Sua Igreja.

Termino com Isaías 57:10: “Na tua longa viagem te cansas, mas não dizes: É em vão; achas o que buscas; por isso, não desfaleces.”

Nada é em vão. Tu acabaste de achar a pérola preciosa. Jesus te predestinou, para teres uma carreira vitoriosa. Tu nasceste para vencer.

ASSIM SEJA. ASSIM DISSE O SENHOR!

Teu Apóstolo, irmão e amigo, Miguel Ângelo.

Publicado em Estudos | Deixar um comentário

Vamos orar juntos

Publicado em oração | Deixar um comentário

Posso Crer No Amanhã – Sexta-feira 29/08/2014

Publicado em Programas de Tv | Deixar um comentário

Chamada para o Culto de Domingo 31/08/2014

Publicado em Eventos | Deixar um comentário

Mensagem – Uma boa consciência perante Deus – Quarta-feira 27/08/2014

Assista a Mensagem pregada – Quarta-feira 27/08/2014- com o Ap. Miguel Ângelo

Aula 13 Modulo 16 – Seminário: Construindo uma casa sobre a Rocha.

Uma boa consciência perante Deus
Pregador Ap. Miguel Ângelo – CLIQUE AQUI!

A nossa carne para nada aproveita, por isso não damos crédito a ela, antes,trazemos ela submetida ao nosso espírito.Vivemos e semeamos no espírito. Nos vemos como Cristo nos vê. Criados segundo Deus.(II Coríntios 5:16)
Se esta mensagem tem sido Benção para tua vida ajude-nos a continuar diovulgando a Graça de Deus, acesse www.minhasemente.com.br

Se nossa Mensagem tem abençoado a tua vida, se estas palavras tem feito bem ao teu espírito, ajude-nos a mantê-la, seja um semeador.
Com certaza seu dízimo e oferta semeado em nosso ministério de evangelização, será honrado por Deus em tua vida com bençãos sem medidas.



 

Publicado em Aulas do Seminário, Culto ao Vivo | Deixar um comentário